Estavam adormecidos há 20 anos e, subitamente, pegaram nos instrumentos e na vontade de cada um para regressar agora, em tempos de coronavírus. Chamam-se Fé Lusitana.

Após um convite de outra banda tomarense, os Real Beavers, para um regresso aos palcos, os Fé Lusitana foram apanhados no contrapé da pandemia. Ficaria tudo adiado outra vez? Mas não.

Em ambiente de total confinamento, duas décadas depois, a banda junta-se agora “para ensaiar, testar acordes, experimentar, e até para dar uma nova roupagem às velhas canções”, refere Paulo Maçarico, o vocalista.

“Foi o lado positivo da pandemia que nos obrigou: voltámos a estar juntos, a tocar e a criar boa música”, sintetiza a voz da banda.

Os Fé Lusitana nasceram em 1995 e são formados por Maçarico, na voz, Pedro Casaca e Cláudio Oliveira nas guitarras, Miguel Silva no baixo e Rodrigo ‘Rau’ Antunes na bateria.

“Foi o lado positivo da pandemia que nos obrigou: voltámos a estar juntos, a tocar e a criar boa música”

Em 1998, apenas três anos depois do arranque, a banda chegaria a celebrar contrato com a Polygram Records, daí resultando a gravação dos singles Sr.ª Mentira e Estrela 2, com a participação de músicos dos Corvos ou de Carlos Moisés, o líder da Quinta do Bill, que acabaria por produzir ambos os temas, juntamente com Armando Glória.

Destaque para a colaboração dos Fé Lusitana com a revista Promúsica, através da qual gravaram o tema Até ao Mar, num CD lançado em 1997, e que juntou nomes conhecidos do panorama nacional da altura. Entre eles uns tais de… Silence 4.

A banda participou em inúmeros concertos, atuando como banda de suporte da Quinta do Bill, nas suas tournées de 1997 e 1998. Durante este período, partilharam ainda o palco com os Despe e Siga, os Sitiados ou os Xutos & Pontapés.

Em 2000, por força de compromissos profissionais e de formação dos seus membros, a banda acabaria por fazer uma paragem. De duas décadas!

Eles aí estão, de volta. O LusoTimes e a Jukebox estrearão em breve o primeiro videoclip oficial dos Fé Lusitana, Anjo És.

Em escuta, aqui e agora, Sr.ª Mentira.

YouTube video